Reflexões, dicas e ideias

Este é um espaço para troca de ideias e difusão de conhecimento. Leia, comente e faça sugestões de temas!

metas para 2016

A arte e o esporte imitam a vida. E ajudam a definir metas para 2016.

Dizem que a arte imita a vida, e creio que o esporte também imite a vida. As dimensões que criamos, como esporte e arte, são um recorte expressivo da vida humana, de sentimentos, sensações, experiências e desafios vividos no dia-a-dia. Algumas de nossas metas para 2016 podem ter como base essas dimensões.

Talvez por isso sejam experiências de catarse, tanto para praticantes quanto para espectadores.

Pensando neste contexto, podemos também importar coisas do esporte e da arte para a vida, para nos ajudar a definir metas para 2016. Eis algumas dicas:

  • Defina o alvo. Trace metas realistas e baseadas em suas capacidades reais, não no quanto acha que deveria ser bom.
  • Lembre-se de que cada dia é diferente dos outros. Parece óbvio, mas sempre nos cobramos quando não conseguimos nos manter sempre bem. Não somos robôs e sentimos cansaço, e nem sempre é preguiça. Encare seu lado humano, aprenda a diferenciar os dois e faça sempre o melhor que pode a cada dia.
  • Vista a camisa. O ser humano, mesmo em trabalhos individuais, é social. O momento de convivência com as pessoas, fazer parte de um grupo e ter objetivos em comum é o que faz valer a pena. Memorize para você mesmo a oração do teatro: “Seguro a minha mão na sua, uno meu coração ao seu, para que juntos possamos fazer o que não posso e nem quero fazer sozinho”.
  • Supere-se a cada dia, lembrando-se de que a superação de cada dia será diferente das outras. Novamente, somos humanos, nossa capacidade de performance varia ao longo do dia e também em dias diferentes. Fique atento ao seu corpo e ao seu estado emocional.
  • Pesquisas mostram que talvez o fator que mais conte para sermos felizes é o engajamento social. Lembre-se de que engajamento é estar cem por cento envolvido no que faz. Não adianta estar só de corpo presente.
  • Mantenha e revise suas metas. Se já não fazem mais sentido, adapte-as.
  • Recorde-se sempre do sentido de se estar fazendo o que você está fazendo. Isso é o princípio da automotivação.
  • Pense no longo prazo. O que suas atitudes e decisões de hoje estão enraizando para o seu eu futuro? Qual o tipo de pessoa quer ser? Que valores quer defender?
  • Lembre-se de que você não chegou onde está sozinho. Valorize aqueles que o ajudaram e o ajudam em seu caminho.
  • Gerencie suas emoções. Não deixe a ansiedade, a preguiça, a autoconfiança excessiva, a insegurança e nenhuma outra emoção restringir sua vida e suas relações. Procure ajuda se necessário.
  • Lembre-se sempre de suas experiências de sucesso, o que o fizeram chegar a seus objetivos.
  • Lembre-se sempre de suas experiências de fracasso. O que pode aprender com elas? Essas experiências fazem parte daquilo que o constrói. Saber que podemos falhar e voltar a tentar é que nos abre a possibilidade para sonhar e arriscar.
  • Arrisque-se. A mesma fórmula pode até funcionar mais de uma vez, mas é preciso flexibilidade, cartas na manga para situações inusitadas. Para manter seu sucesso é preciso aprender a lidar com as impermanências constantes em que a vida nos coloca. Como diria o ditado: “dançar conforme a música”, “sambar conforme o ritmo”, “fazer limonada quando a vida te oferece um limão…” Enfim, você entendeu o processo.
  • E, o mais importante, divirta-se sempre. Afinal, 2016 em nosso país promete ser um ano singular em dificuldades e desafios, é preciso ter momentos de alívio de toda a loucura da vida. Encontre aquilo que é divertido para você, seja yoga, corrida, bar com amigos, música sertaneja, eletrônica ou qualquer outra, apenas crie tempo para você.

Se você não se responsabilizar por sua vida, alguém irá fazê-lo e você pode não gostar da ideia que essa pessoa tem de vida para você.

É importante desenharmos uma existência para nós, que seja de nosso tamanho, alinhada com expectativas reais.

Write a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Êxtase

Estar em êxtase é se encontrar transportado para fora de si e do mundo sensível. Este estado pode ser gerado por uma exaltação …

neuroplasticidade

Neuroplasticidade

A ideia de colocar nossa intenção em algo e fazer afirmações diárias convergem para a noção de que se temos certeza …

epigenetica

Epigenética

Herdamos traços de nossas famílias de diferentes formas, não apenas na codificação genética. Uma afinidade por música …