Reflexões, dicas e ideias

Este é um espaço para troca de ideias e difusão de conhecimento. Leia, comente e faça sugestões de temas!

escutar

A arte de escutar

Escutar, uma arte em perigo de extinção em nosso mundo.

Todos nós ouvimos muitas coisas; informações são espalhadas em vários meios. Entretanto, existem diferenças importantes entre ouvir e escutar.

O ato de ouvir está relacionado ao aparelho auditivo, ao aparato biológico da audição, à recepção de estímulos auditivos e decodificação destes estímulos em sons reconhecidos por nosso sistema.

O ato de escutar está relacionado a perceber aquilo que ouvimos, prestar atenção, sentir.

Escutar está intimamente ligado ao processo de transformação, pois nos possibilita absorver a informação e refletir. Também nos permite relacionar-nos com outros mais genuinamente, abrindo o caminho para a empatia e a compaixão.

escutar
Escutar é um exercício ativo que nos ajuda a analisar e questionar as informações recebidas. Assim, podemos melhorar o processo de tomada de decisões.

 

Isso é fundamental para o processo de criatividade, pois quando escutamos podemos associar informações e abrir caminho para construção do novo.

Em nosso processo de crescimento aprendemos a ouvir e falar, e perdemos grandes oportunidades.

 

Segundo Bernard Ferrari, um bom escutador (sim, escutador e não ouvinte), tem três características importantes:

1. Respeito

Bons escutadores sabem que não conseguem ser bem sucedidos em nenhum projeto sem apoio e informação de outras pessoas.

Quando demonstramos respeito pelas ideias de outras pessoas, elas tendem a retribuir da mesma maneira.

Escutar bem também pressupõe a habilidade de destacar informações importantes para auxiliar com brainstormings e descobrir novas ideias.

A escuta ativa necessita de presença, relacionamento verdadeiro e questionamentos coerentes.

2. Falar menos do que se escuta

Aqui podemos trabalhar com o teorema de Pareto, a regra do 80/20.

A pessoa que fala geralmente utiliza oitenta por cento do tempo da conversa e quem escuta utiliza seus vinte por cento tentando fazer questionamentos válidos e relevantes.

Ferrari diz que é difícil não atuar sobre o impulso de falar mais do que ouvir. É um treinamento, podemos desenvolver a qualidade e a efetividade de nossos diálogos contribuindo nos momentos certos, fazendo perguntas necessárias para dar movimento e redirecionar a conversa, caso seja necessário.

3. Desafiar ou questionar premissas

Bons escutadores procuram esclarecer e desafiar as premissas mais profundas que perpassam toda a conversa.

escutar
Um dos fundamentos de saber escutar é estar disponível para desafiar premissas antigas.

 

Não é porque algo sempre funcionou de uma determinada maneira que tem que continuar funcionando sempre assim.

Mudanças são difíceis e dolorosas, e pressupõem arriscar-se no desconhecido.

Entretanto, fechar-se para novas ideias também é um risco, pois podemos perder oportunidades de descobrir novas possibilidades.

Existem pessoas que são melhores escutadores que outras, por razões diversas de interações complexas genéticas, ambientais, culturais, etc.

Porém, ao reconhecermos algo em nós que podemos desenvolver, cabe decidir se o investimento neste desenvolvimento faz sentido ou não.

Write a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Êxtase

Estar em êxtase é se encontrar transportado para fora de si e do mundo sensível. Este estado pode ser gerado por uma exaltação …

neuroplasticidade

Neuroplasticidade

A ideia de colocar nossa intenção em algo e fazer afirmações diárias convergem para a noção de que se temos certeza …

epigenetica

Epigenética

Herdamos traços de nossas famílias de diferentes formas, não apenas na codificação genética. Uma afinidade por música …